UM POUCO MAIS SOBRE O DR GOOGLE!!!

Google+logo GOOGLE   GRANDES MARCASUma página em branco com uma marca e um pequeno espaço para uma linha de texto representa hoje o que existe de mais bem sucedido na Internet. O site de busca GOOGLE. Mesmo quem não usa (será que alguém não usa?) a Internet conhece o GOOGLE, sabe que ele é um mecanismo de busca, sabe que basta digitar um termo para procurar assuntos relacionados e de longe conhece o logotipo do serviço. Se Coca-cola é sinônimo de refrigerante ou Gilette é o nome que se dá a qualquer barbeador, podemos dizer que Internet é GOOGLE. Se alguém falar em Internet, vai ter que falar em GOOGLE. Não é exagero nenhum dizer que o GOOGLE já domina o mundo! Afinal um sistema de buscas sabe o que as pessoas gostam, onde elas gostam de ir, o que elas ouvem, comem, bebem e lêem.

A história
Google+1 GOOGLE   GRANDES MARCAS

A história começou em 1995 com o surgimento de um sistema chamado BackRub, que recebeu esse nome devido à sua habilidade única de rastrear os links na internet, criado na Universidade de Stanford por dois estudantes de doutorado de ciência da computação: Sergey Brin, um russo de 23 anos e Larry Page, um americano de 24 anos. O BackRub ganhou alguns aperfeiçoamentos e em 1998 a ferramenta foi batizada com o nome de GOOGLE, que ganhava popularidade e consumia a largura de banda de Internet da universidade como um pequeno monstrinho. Enquanto as aranhas, programas de computador que mapeiam a web, trabalhavam, a Internet de toda a universidade simplesmente parava. O projeto deveria ganhar uma nova sede. Os dois estudantes estavam endividados devidos aos gastos com a empresa e precisavam de um investidor. Esse investidor foi Andy Bechtolsheim, um dos fundadores da Sun Microsystems. De Andy, os dois amigos ganharam um cheque no valor de US$ 100 mil. O cheque estava endereçado à Google Inc (que ainda não existia). Larry e Sergey foram obrigados a fundar a empresa no estado da Califórnia. Quando isso aconteceu, a equipe saiu da Universidade de Stanford (mantinham os computadores que rodavam o GOOGLE em seus dormitórios) e foi para a garagem da casa de uma amiga dos fundadores da empresa em Menlo Park. O primeiro empregado contratado, Craig Silverstein, se tornaria mais tarde diretor de tecnologia da empresa. No final do ano, o sistema de busca já respondia a 10.000 requisições por dia. Nesta época, reportagens veiculadas sobre o GOOGLE em jornais como USA Today e Le Monde (França), demonstravam o sucesso que estaria por vir. O GOOGLE ganhou adeptos em toda a rede ao quebrar alguns paradigmas até então adotados pelos sistemas de buscas, como o pioneiro Altavista. Em lugar de apresentar páginas de maneira aleatória, o serviço introduziu o conceito de relevância nas pesquisas dos usuários. Com a ajuda de algoritmos matemáticos e programas de computador que varrem a rede em busca de conteúdo, as respostas são apresentadas pela ordem de importância dentro da Internet. Com o sucesso, em 1999, a empresa, então com 8 funcionários, muda sua sede para cidade de Palo Alto. Em 2000 passou a ser o novo motor de busca do Yahoo!, substituindo o tradicional Inktomi. Já neste ano tornou-se o sistema de busca mais popular segundo pesquisa da StatMarket. Apesar da busca ser a vitrine de negócios, o GOOGLE pode ser visto realmente como uma empresa de mídia, que pretende colocar à disposição dos internautas o conteúdo das maiores bibliotecas do planeta ou os vídeos das principais emissoras de televisão do mundo. O GOOGLE representa uma das maravilhas da computação e não há dúvidas de que é um regente na Internet que não ignora idiomas, sistemas operacionais, culturas, idéias e credos. No GOOGLE há espaço para tudo e para todos. A capacidade de inovar da marca é diretamente proporcional a sua disposição em ganhar dinheiro. Os resultados financeiros são impressionantes.

Google+2 GOOGLE   GRANDES MARCAS
A linha do tempo
1999
● Em 21 de setembro, o serviço sai da fase de testes e a palavra “BETA” é removida do logotipo.
2000
● GOOGLE AdWords, um sistema revolucionário de anúncios, que logo gerariam seus primeiros lucros para a empresa.
● GOOGLE Toolbar, a famosa barra de ferramenta do programa para ser instalada no navegador.
2001
● GOOGLE Image Search, serviço de busca de imagens na Internet.
● GOOGLE Zeitgeist, estatísticas a respeito das palavras mais procuradas. O nome tem origem na palavra alemã Zeitgeist (espírito do tempo) referindo aos acontecimentos de determinada época.
● Deja’s Usenet Archive, o maior grupo de discussão da Internet, é comprado e remodelado passando a chamar GOOGLE GROUPS.
2002
● GOOGLE News, serviço que permite a busca de notícias na Internet. Este serviço está revolucionando o mercado de notícias, deixando seus usuários bem mais informados e também fornecendo ao GOOGLE tudo o que as pessoas gostam de ler, quais as empresas ou pessoas que geram mais notícias e quais os assuntos que ganham mais destaque na mídia.
● Froogle, serviço que permite fazer buscas por determinado produto ou fazer comparações de preços.
● GOOGLE Labs, o site da empresa para apresentação de novas tecnologias ou serviços que estão sendo desenvolvidos pelo GOOGLE.
2003
● GOOGLE ADSense, sistema que permitia aos webmasters obter fundos por meio de anúncios de texto. A busca também foi incrementada. De acordo com a palavra-chave digitada, a tradicional caixa de texto do GOOGLE já era capaz de rastrear vôos em aeroportos, realizar operações matemáticas e muito mais.
● BLOGGER, serviço que oferece ferramentas e hospedagem para a criação de diários eletrônicos é adquirido.
2004
● Gmail (abreviação de GLOOGLE MAIL), serviço de correio eletrônico que provocou uma revolução na Internet, ao oferecer 1 Gigabyte de espaço aos usuários gratuitamente. Atualmente conta com mais de 55 milhões de contas de E-mail, oferecendo 2.8 Gigabyte de capacidade.
● GOOGLE SMS, permitindo que usuários realizem buscas diretamente de seus celulares.
● GOOGLE Desktop Search, um pequeno utilitário para realização de buscas rápidas no computador.
● GOOGLE Earth, navegador que localize países, cidades e até ruas usando fotos de satélite de alta resolução.
● GOOGLE Print (agora conhecido como GOOGLE BOOK), primeiro mecanismo de busca de livros digitalizados através do conteúdo de bibliotecas e editoras. De acordo com o New York Times, hoje o sistema digitaliza 3.000 livros por dia.
● PICASA, serviço voltado para o gerenciamento e organização de imagens é adquirido.
● Ajuda na criação do ORKUT, uma rede social filiada ao próprio GOOGLE, criada com o objetivo de ajudar seus membros a criar novas amizades e manter relacionamentos. Atualmente o serviço conta com mais de 40 milhões de usuários.
2005
● My Search History, capaz de manter um histórico dos últimos termos pesquisados pelo usuário.
● GOOGLE Web Accelerator, software para acelerar a navegação na Internet.
● GOOGLE Talk, um comunicador de mensagens instantâneas e de VoIP bastante simples e eficiente.
2006
● GOOGLE Video Player, loja de vídeo criada pela empresa. Através dela, produtores de vídeo passam a definir preços e licenças de uso para o conteúdo.
● GOOGLE Calendar, serviço de agenda on-line que pode ser compartilhado.
● GOOGLE Finance, serviço de informações financeiras e econômicas.
● YOUTUBE, site que permite aos seus usuários carregarem, assistem e compartilharem vídeos em formato digital, adquirido por US$ 1.6 bilhões.
● JotSpot, empresa especializada na criação de páginas web feitas por muitos internautas e mais conhecidos como wikis, é adquirido pelo GOOGLE.
● Aquisição do FEEDBURNER (maior sistema gerenciador de feeds RSS do mundo) por US$ 100 milhões. Mais de 50 milhões pessoas usam diariamente os serviços do sistema. A compra mostra como os feeds estão se tornando parte importante da distribuição de conteúdo na Internet.

O nome
GOOGLE é um trocadilho com a palavra “googol”, que foi inventada por Milton Sirotta, sobrinho do matemático americano Edward Kasner, para designar o número representado por 1 seguido de 100 zeros. O uso do termo GOOGLE refletia a missão da empresa de organizar o enorme montante de informações disponíveis na internet e no mundo. A missão do GOOGLE era oferecer a melhor opção de busca na Internet tornando as informações mundiais mais acessíveis e úteis.

A sede
A sede da empresa, desde junho de 1999, é conhecida e chamada de GOOGLEPLEX. Localizado em Mountain View, na Califórnia, seu nome é a junção da palavra GOOGLE e COMPLEX (complexo). Porém a uma outra explicação: Googleplex é nome que designa o número 10 elevado ao googol. Trabalhar nesta sede é completamente diferente de trabalhar em qualquer outra. Os funcionários podem utilizar a piscina a qualquer hora do dia ou da noite, e há até um salva-vidas. E não é só isso. Há mesas de sinuca, videogames, cabeleireiros, playground para seus filhos, um campo de areia para jogar vôlei e locomoção por patinete. Os funcionários do complexo contam ainda com massagistas e podem levar até cachorros para o local de trabalho. Perto do local do coffee break há espaço nas paredes para quem tiver alguma idéia e for desenvolvê-la, ou simplesmente anotá-la para não esquecer. Cada novo funcionário que começa a trabalhar no complexo é chamado de Noogler. Depois de pagar aluguel muitos anos, a empresa resolveu comprá-la em definitivo da Silicon Graphics por US$ 319 milhões em 2006.

Porque tanto sucesso?
A marca GOOGLE é uma empresa de Internet muito, muito especial. Cresceu quando a bolha das empresas on-line estava murchando. Na primeira olhada, graficamente, a sua página não empolga. Não há cores berrantes e bonecos falantes. O GOOGLE é um sucesso de público e crítica, e seu charme está exatamente naquilo que não se encontra hoje no mundo virtual: simplicidade e objetividade. Nada é paradoxalmente tão simples e sofisticado como o serviço de buscas GOOGLE. Por trás da aparência simplista da interface se esconde um arsenal de tecnologia, como o sistema PageRank. Trata-se de um mecanismo que classifica os sites de acordo com a quantidade de links externos que apontam para ele. Em outras palavras, quanto mais links um site tiver em outros, maior é seu grau de importância no GOOGLE.
Uma marca poderosa
A pesquisa da Interbrand, do grupo Omnicom, apontou o serviço de busca GOOGLE como ‘Marca do Ano’ em 2002 superando lendárias concorrentes como Coca-Cola, GE e Apple. Mais uma vez era a Internet mostrando sua força, e olha que a marca não faz propaganda nenhuma de seus serviços ou de sua marca. Em 2006 a marca foi apontada como a mais influente do mundo.
Verbo Googlar
O verbo googlar (ou guglar), inspirado no inglês to google, é um neologismo que significa executar uma pesquisa na Internet pelo motor de busca GOOGLE. A nova palavra é uma evidência clara da grande popularidade atingida pelo GOOGLE. A Sociedade Americana de Dialetos escolheu o verbo to google como a palavra mais útil de 2002.
Logotipos comemorativos
O GOOGLE possui inúmeros logotipos comemorativos a datas e eventos importantes. A coleção completa pode ser encontrada neste endereço: http://www.google.com/intl/en/holidaylogos.html

A marca no mundo
Ou melhor, o mundo no GOOGLE. O grau de dependência do mundo em relação ao GOOGLE pode ser medido em números: quase 500 milhões de internautas acessam sua página mensalmente, responde a mais de 150 milhões de consultas por dia, maior site de buscas do planeta, proprietário de fenômenos como Orkut, Blogger e Youtube, emprega cerca de 10.500 pessoas, além de faturar US$ 10.6 bilhões e ser o 3º site mais visitado da Internet. Precisa algo mais.

O valor
Segundo a consultoria britânica Interbrands, somente a marca GOOGLE está avaliada em US$ 12.37 bilhões, ocupando a posição de número 24 no ranking das marcas mais valiosas do mundo, além de ocupar a posição de número 1 no ranking das marca mais influentes do mundo.

Você sabia?
● Nos computadores do GOOGLE estão indexadas 25 bilhões de páginas para consultas e pesquisas.
● US$ 109 bilhões é o seu valor de mercado na bolsa, mais que Oracle, Time Warner e Coca-Cola.

 

FONTE: Mundo das Marcas

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s