CONTINUANDO A ESCREVER SOBRE A “PAUSA”

PausaNovamente retorno ao contato com vocês e quero prosseguir escrevendo para sensibilizá-los a respeito da importância da “PAUSA”, tomando como referência o livro “Liderança Estratégica – o princípio da Pausa”, de Kevin Cashman (Editora M.Books).

Vou replicar na íntegra o capítulo em que o autor trata das sete práticas da Pausa. Eles estão nas páginas 46 a 49 da obra.

Espero que acrescente tanto a vocês quanto tem acrescentado a mim.

Vamos lá…

RECUAR PARA PROSSEGUIR: Sete Práticas de Pausa

No processo de escrita deste livro, conduzimos entrevistas e analisamos um grande número de pesquisas e estudos de casos. Deste trabalho, isolamos Sete Práticas de Pausa que sustentam o princípio da pausa: recuar para prosseguir. Entrelaçadas através do livro, estas Sete Práticas de Pausa são a maneira pragmática de dar vida a cada área de crescimento de culturas de inovação. As aplicações são únicas para cada domínio. As Sete Práticas de Pausa selecionadas de nossa pesquisa são:

Prática de Pausa 1: Persistir no Propósito

Como aconselha Warren Bennis: “líderes lembram às pessoas o que é importante”. O significado nos inspira a “ir além”, a contribuir com algo extraordinário. O propósito é a intersecção da competência e da contribuição que aspira alcançar algo maior, algo além de nós mesmos. O propósito nos dá contexto, motivação e significado para o crescimento pessoal, o crescimento do talento e da inovação. Essa pode ser a pausa mais importante, transformadora e de maior alcance de todas.

Prática de Pausa 2: Perguntar e Ouvir

Perguntas são a linguagem sondadora da pausa, forçando-nos a recuar, reconstruir, rever e reconsiderar. Perguntas levam ao aprendizado que, ao longo do tempo, conectam o conhecimento à sabedoria. Perguntas são as pás de curiosidade que nos permitem cavar fundações mais profundas para o crescimento pessoal, relacional e criativo.

Ouvir é a linguagem receptiva da pausa. Ouvir com autenticidade abre as portas do autoconhecimento, do entendimento dos outros e de possibilidades de inovação; introduz-nos a novas maneiras de pensar, de nos comportar e de ver o mundo. Ouvir é a incubadora que gera a clareza através da complexidade; é a alma silenciosa e cheia de pausa do aprendizado transformador.

Prática de Pausa 3: Arriscar a Experimentação

Gestores minimizam o risco e a experimentação para aumentar a previsibilidade; líderes monitoram o risco e aceleram a experimentação para estimular descobertas. Recuar para tentar o novo e o diferente estabelece o caminho para o aprendizado e a descoberta. Se nos agarramos ao status quo e ao testado e provado, somos deixados com a eficiência como nossa fonte principal de criação de valor. Entretanto, quando experimentamos, temos a chance de estimular maneiras totalmente novas de criar valor. A experimentação exige ousadia e a coragem de enfrentar a falha e de influenciar o seu potente aprendizado. Ela desafia a maneira como vemos nós mesmos e o nosso mundo; é a própria essência da descoberta. Arriscar a experimentação é fazer uma pausa no limite desconfortável entre a realidade atual e a futura; líderes criam o futuro através da experimentação inteligente.

Prática de Pausa 4: Refletir e Sintetizar

“Gestores analisam, julgam e decidem administrar realidades atuais; líderes refletem e sintetizam para criar novas realidades”.

Como líderes, tendemos a analisar demais, refletir de menos e sintetizar menos ainda. Viciados em velocidade e ação, tornamo-nos agentes de decisão transacionais, em vez de agentes de síntese transformadores. Grandes líderes se demoram em incubar análises para descobrir soluções de ordem superior, mais estratégicas e de visão. A síntese reflexiva é igualmente importante para que os líderes desenvolvam autopercepção, percepção de talentos e descobertas inovadoras. Reflexão e síntese são as chaves para destrancar as portas da autenticidade, da transformação e da inovação.

Prática de Pausa 5: Considerar Dinâmicas de Dentro para Fora e de Fora para Dentro

“Bons líderes olham para fora de si mesmos para soluções estratégicas; grandes líderes olham para dentro de si e para fora de si mesmos para transformação duradoura”

A pausa é um processo holístico e integrado de considerar as forças dinâmicas que estão dentro e fora de nós. Quanto mais pausas fazemos para considerar tanto as forças endógenas como as exógenas, mais potencial de entendimento pessoal, de talento e estratégico encontramos disponíveis. Fazer pausas para considerar mais profundamente informação interna e externa cria uma probabilidade maior para o crescimento pessoal, estratégico, interpessoal e organizacional. Equilibrar nossas práticas de pausas “para olhar para dentro” e “para olhar para fora” é o processo de pausa necessário para a descoberta autêntica e duradoura.

Prática de Pausa 6: Estimular e Generatividade

Um líder generativo faz mais pausas para preparar a próxima geração do que para o sucesso pessoal. Generatividade é a energia e o entusiasmo que obtemos ao ajudar outras pessoas a nos superarem. É a alegria de dar, treinar e liderar pessoas para irem além de nós mesmos. Generatividade é a alegria dos pais vendo os seus filhos crescendo; é a alegria dos líderes multiplicando o seu impacto para as futuras gerações. A pausa generativa estimula uma atmosfera rica para que o potencial humano floresça.

Prática de Pausa 7: Ser Autêntico

Não há atitude mais influente que o líder ser ele mesmo a mudança autêntica que deseja ver na sua organização. Quando o líder se torna o que ele quer que os outros aspirem ser, a força atrativa é irresistível e as pessoas se empenham e contribuem. Fazer uma pausa para ser mais autêntico conosco, com o nosso próximo e com o que aspiramos criar é crítico para a geração de um valor duradouro. A autenticidade dá substância, veracidade e valor a tudo o que ela toca.

Gestores constroem dependência por meio da precisão; líderes constroem credibilidade através da autenticidade”.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s